terça-feira, 28 de outubro de 2014

Saudade de mim.

Nós estamos amarrados um ao outro...
Mas já não é um belo laço, se tornou um nó cego!
Me desculpa, eu tentei inúmeras vezes desatar esse nó, eu quis me libertar desse aperto.
Eu quis deixar você no passado e traçar um novo futuro, mas você sempre volta pra dizer o quanto sente minha falta.
Eu sempre acho que tudo vai mudar, mas nós sabemos que nada vai mudar...
Eu estou degastada... Quando erramos, sempre apagamos o erro com uma borracha, infelizmente a nossa borracha acabou, e agora não tem como negar que tudo acabou!
Eu me encontro irritada, me vejo mal todo dia que te vejo.
Porque já não existe vontade de estar junto, só a obrigação que esse namoro nos expõe.
Desculpa, estamos vivendo de mascaras.
Você fingindo que está tudo ótimo, eu fingindo que ainda não é o fim... Mas já acabou faz muito tempo.
Já faz tempo que nossa vida não tem primavera, só chove, está tudo tão tempestuoso.
E eu sinto saudade da menina que eu era antes de você.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...