terça-feira, 28 de outubro de 2014

Não te esqueci.

É ridículo dizer que eu ainda estou apegada a você...
O meu primeiro amor, e foi só um beijo, e um abraço, e uma afago... E a chama ainda não se apagou.
Se você voltar eu juro que vou sair correndo pros teus braços.
...eu era tão infantil naquela época.

Nós se perdemos um do outro.
Hoje estou com a idade que você tinha quando me conheceu.
 A se fosse hoje que tudo aquilo acontecesse, eu prometo que seria diferente.
Eu te amo! Eu queria sentir o poder daquela paixão novamente.

As vezes a vida faz nós nos esbarrarmos
E eu sinto vontade de te abraçar e te beijar lentamente.
Eu não consigo esquecer essa história, eu sei que é passado... Eu sei que as chances são minimas.

Mas eu queria que você entendesse, como eu sonhei com você, como eu te quis...
Como imaginei, e como foi difícil entender que tudo isso foi uma doce ilusão.
Sinto uma nostalgia só de lembrar, sinto um buraco no peito, de saudade...

Passaram-se anos, mas eu ainda almejo realizar todos os meus sonhos contigo.
O primeiro amor não se esquece... O primeiro beijo, o primeiro abraço...
Agora está tudo tão diferente.

Eu tentei matar esse amor, eu o ignorei e até imaginei que tinha se dizimado, faz só de te ver meu coração acelera, já faz tanto tempo...
E eu ainda te amo!

Ps.: Eu queria que você estivesse lendo isso agora... Quando se sonha demais e não conseguimos realizar esse sonho, então tentamos enterra-lo!
Mas sabe de uma coisa, esse sonho está vivo, como uma fênix que renasce das cinzas é o meu amor por você.
E.


Saudade de mim.

Nós estamos amarrados um ao outro...
Mas já não é um belo laço, se tornou um nó cego!
Me desculpa, eu tentei inúmeras vezes desatar esse nó, eu quis me libertar desse aperto.
Eu quis deixar você no passado e traçar um novo futuro, mas você sempre volta pra dizer o quanto sente minha falta.
Eu sempre acho que tudo vai mudar, mas nós sabemos que nada vai mudar...
Eu estou degastada... Quando erramos, sempre apagamos o erro com uma borracha, infelizmente a nossa borracha acabou, e agora não tem como negar que tudo acabou!
Eu me encontro irritada, me vejo mal todo dia que te vejo.
Porque já não existe vontade de estar junto, só a obrigação que esse namoro nos expõe.
Desculpa, estamos vivendo de mascaras.
Você fingindo que está tudo ótimo, eu fingindo que ainda não é o fim... Mas já acabou faz muito tempo.
Já faz tempo que nossa vida não tem primavera, só chove, está tudo tão tempestuoso.
E eu sinto saudade da menina que eu era antes de você.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...