quinta-feira, 16 de fevereiro de 2012

Chorar.

Não sei quando, mas em algum lugar do caminho eu perdi minha armadura,
Em algum lugar da estrada eu tropiquei, eu cai...
tentei suportar as lagrimas que naquele momento pareciam ser a minha maior vergonha, não suportei,
lagrima após lagrima foram caindo, escorrendo em minha face, sentia-me como se estivesse cometendo um pecado ao chorar...

me amedrontava com meus pensamentos...
por horas fiquei ali, pensando no que diriam de mim...

em algum momento daqueles pensamentos eu errei...
falhei comigo própria... talvez chorar tivesse sido a melhor maneira de me liberar
sentia-me tão frágil... em meio um pesadelo que me assombrava e me dava motivos para querer desaparecer,
sentia-me tão desesperada a ponto de querer fugir daquele mundo injusto...
aos prantos eu me reconcertei, eu me equilibrei...

mas nesse mundo onde nada é justo... ouço as vozes me julgando,
então não me chame de fraca quando por varias vezes suportei calada.
no meu interior eu sei que eu sou um embaraço de sentimentos,
e eles não poderiam me julgar quando eles tem defeitos tão piores...
nesse lugar injusto grande parte das pessoas já perderam o sentido da palavra sentimento.



Fernanda Carolina B.

2 comentários:

  1. Lindo texto parabéns adorei
    tem concurso novo lá participa por favor??
    wwwstartyley.blogspot.com
    bjoos amore

    ResponderExcluir
  2. Lindo o texto, como sempre!!!

    Adoro visitar seu blog por causa do layout tbm acredita? sei la, esse fundo estrelado é tão bonitinho, relaxa a gente!! *.*
    rsss. Faz tempo que eu queria falar isso, mas hoje lembrei...pode rir...rsrs
    mas eu curto!!^^

    beijos flor

    Taa L.
    www.cerejarocks.com

    ResponderExcluir

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...